Submissões

Submissões Online

Já possui um Login/Senha para a revista Clínica e Pesquisa em Odontologia - UNITAU?
Acesso

Não tem Login/Senha?
Cadastro de usuários

O cadastro no sistema e posterior acesso ou login são obrigatórios para submissão como também para verificar o estágio das submissões.

 

Diretrizes para Autores

1 NORMAS GERAIS

Para submeter um artigo para a revista Clipeodonto, é necessário que se faça um cadastro neste site, fornecendo um login e uma senha. Importante: o cadastro deve ser como autor, para que a função de submissão seja habilitada. Depois de cadastrado como autor, entrar em 'Página do Usuário' (quarto link localizado no menu superior), em seguida, entrar em 'autor' e em 'iniciar nova submissão'. Seguir os cinco passos da submissão. No link 'Tutorial para autores', no menu superior, todos os passos estão ilustrados. Os artigos poderão ser redigidos em português, inglês ou espanhol; aqueles redigidos em inglês terão prioridade de publicação. Os trabalhos devem ser escritos de forma concisa, com a exatidão e a clareza necessárias para sua fiel compreensão. Aceitam-se artigos com no máximo seis autores. Pesquisas realizadas em humanos ou em animais devem vir acompanhadas de carta de aprovação de Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos ou em Experimentação Animal (após digitalização do documento, que deverá ser enviado como documento suplementar).

2 APRESENTAÇÃO DO MATERIAL

O texto deverá conter no máximo 18 páginas (incluindo referências, tabelas, quadros e legendas) em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (máximo de 2MB), em espaço duplo, com margens de 2 cm de cada lado, parágrafo justificado e fonte Times New Roman (corpo 12) ou Arial (corpo 11).  O artigo não deve conter nenhuma identificação dos autores.

2.1 Figuras: gráficos, fotografias, desenhos, esquemas etc. deverão apresentar boa qualidade e ser enviados em arquivos separados, como documentos suplementares (quarto passo da submissão de artigos), em formato JPEG ou TIFF, com resolução de 300dpi com no mínimo 15cm x 10cm e devidamente identificados (Ex.: se o nome da imagem que aparece no texto for Figura 1, o nome do arquivo deve ser Figura1.tiff), preferencialmente coloridos. As figuras não devem ser inseridas no texto. O número de figuras deve ser apenas o necessário à compreensão do trabalho. Não serão aceitas imagens digitais artificialmente 'aumentadas' em programas computacionais de edição de imagens. As figuras devem ser numeradas em algarismos arábicos segundo a ordem em que aparecem e suas legendas devem estar no final trabalho. Deve-se indicar no texto o local onde as figuras serão inseridas.

2.2 Tabelas e Quadros: deverão ser numerados consecutivamente com algarismos arábicos e encabeçados pelo título. As tabelas e os quadros devem estar inseridos no texto. Não serão admitidas as tabelas e quadros inseridos como Figuras.

2.3 Citação no texto: deve-se seguir o sistema numérico de citações, em que as referências são numeradas na ordem em que aparecem no texto e citadas através dos seus números entre colchetes ([]). Citações de mais de uma referência devem obedecer ordem numérica crescente. Quando no final da frase, os números das referências devem aparecer antes da pontuação. Citações com numerações consecutivas devem ser separadas por hífen; em caso contrário, deve-se utilizar vírgula. Toda referência deverá ser citada no texto. Exemplos:Conforme definem Souza et al.[1], a reabsorção radicular...O tempo de condicionamento ácido do esmalte tem sido estudado por vários autores [1,3,5-8].

2.4 Grafia de termos científicos, comerciais, unidades de medida e palavras estrangeiras:  os termos científicos devem ser grafados por extenso, em vez de seus correspondentes simbólicos abreviados. Incluem-se nessa categoria os nomes de compostos e elementos químicos e binômios da nomenclatura microbiológica, zoológica e botânica. Os nomes genéricos de produtos devem ser preferidos às suas respectivas marcas comerciais, sempre seguidos, entre parênteses, do nome do fabricante, da cidade e do país em que foi fabricado, separados por vírgula. Para unidades de medida, deve-se utilizar o Sistema Internacional de Unidades. Palavras em outras línguas devem ser evitadas nos textos em português, utilizar preferentemente a sua tradução. Na impossibilidade, os termos estrangeiros devem ser grafados em itálico. Toda abreviatura ou sigla deve ser escrita por extenso na primeira vez em que aparecer no texto.

3 ESTRUTURA DO ARTIGO

3.1  Pesquisas Originais

Os trabalhos originais devem ser divididos conforme os itens abaixo:

3.1.1  Título em português: deverá estar de acordo com o conteúdo do artigo, levando em consideração o caráter da revista, com, no máximo 20 palavras.

3.1.2 Título em inglês: versão do título em português.

3.1.3 Resumo: deverá conter a apresentação concisa de cada parte do trabalho, destacando objetivo(s), metodologia, resultados e conclusões, com 150 a 250 palavras. Deve ser escrito sequencialmente, sem subdivisões, em língua portuguesa.

3.1.4 Palavras-chave: três a cinco palavras que identifiquem o conteúdo do artigo. Devem ser separadas entre si por ponto, sendo as iniciais com letra maiúscula. Para sua escolha, deverá ser consultada a lista de Descritores em Ciências da Saúde-DECS, que pode ser encontrada no endereço eletrônico: http://decs.bvs.br/

3.1.5 Abstract: versão do resumo para a língua inglesa. Recomenda-se fortemente que o(s) autor(es) busque(m) assessoria lingüística profissional antes de submeter(em) originais que possam conter incorreções e/ou inadequações morfológicas, idiomáticas e de estilo.

3.1.6 Key-words: palavras-chave em inglês.

3.1.7 Introdução: é o sumário dos objetivos do estudo, de forma concisa, citando as referências mais pertinentes. Também deve apresentar as hipóteses em estudo e a justificativa do trabalho.

3.1.8 Material e Método: devem ser apresentados com suficientes detalhes que permitam confirmação das observações encontradas, indicando os testes estatísticos utilizados, quando existirem.

3.1.9 Resultados: devem ser apresentados com o mínimo possível de discussão, acompanhados de tabelas e/ou material ilustrativo adequado, quando necessários. Não repetir no texto os dados já apresentados em ilustrações e tabelas, nem apresentar os dados em tabelas e gráficos, simultaneamente.

3.1.10 Discussão: os resultados devem ser comparados com outros trabalhos descritos na literatura, onde também podem ser feitas as considerações finais do trabalho.

3.1.11 Conclusão: deve responder objetivamente aos questionamentos propostos.

3.1.12 Referências: A exatidão das referências é de responsabilidade dos autores. Citar as referências, no máximo 30, que devem ser numeradas, sequencialmente, na ordem em que aparecem no texto, seguindo o padrão Vancouver (disponível no site: http://www.nlm.nih.gov/bsd/uniform_requirements.html). Quando a obra tiver até seis autores, todos devem ser citados. Mais de seis autores, indicar os seis primeiros, seguido de et al. Alguns exemplos:

Artigo de periódico

Shibutani T, Inuduka A, Horiki I, Luan Q, Iwayama Y. Bisphosphonate inhibits alveolar bone resorption in experimentally-induced peri-implantitis in dogs. Clin Oral Implants Res. 2001;12(2):109-14.

Teronen O, Konttinen YT, Lindqvist C, Salo T, Ingman T, Lauhio A, et al. Inhibition of matrix metalloproteinase-1 by dichloromethylene bisphosphonate (clodronate). Calcif Tissue Int. 1997;61(1):59-61.

Artigo de periódico em formato eletrônico

Abood S. Quality improvement initiative in nursing homes: the ANA acts in an advisory role. Am J Nurs [periódico na Internet]. 2002 Jun [acesso em 2002 Ago 12]; 102(6): [telas]. Disponível em: www.nursingworld.org/AJN/2002/june/Wawatch.htm.

Livro

Murray PR, Rosenthal KS, Kobayashi GS, Pfaller MA. Medical microbiology. 4a ed. St. Louis: Mosby; 2002.

Capítulo de livro

Meltzer PS, Kallioniemi A, Trent JM. Chromosome alterations in human solid tumors. In: Vogelstein B, Kinzler KW, editores. The genetic basis of human cancer. New York: McGraw-Hill; 2002. p. 93-113.

Dissertação e Tese

Cortelli JR. Prevalência de periodontite juvenil localizada, generalizada e incipiente e presença de Actinobacillus actinomycetencomitans em indivíduos de 15 a 25 anos de idade [tese]. Piracicaba: Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Universidade Estadual de Campinas; 2000

3.2 Relatos de caso

Os relatos de caso devem apresentar a seguinte estrutura: título em português; título em inglês; resumo em português; palavras-chave; abstract; key-words; introdução; relato do caso; discussão; conclusão e referências.

 

3.3 Revisão de literatura

Devem apresentar a seguinte estrutura: título em português; título em inglês; resumo em português; palavras-chave; abstract; key-words; introdução; discussão; conclusão e referências. 

 

Itens de Verificação para Submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em 'Comentários ao Editor'.
  2. Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 2MB)
  3. URLs para as referências foram informadas quando necessário.
  4. As figuras não foram inseridas como texto. Serão enviadas como arquivos suplementares no formato JPEG ou TIFF, com no mínimo de 300 dpi de resolução.
  5. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  6. A identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação Cega por Pares.
  7. No caso de pesquisas em seres humanos ou animais, o documento de aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa, digitalizado, será submetido como documento suplementar (quarto passo para submissão de artigos).
 

Declaração de Direito Autoral

O(s) autor(es) do manuscrito enviado devem assegurar o seguinte:

a) Revisaram a forma final do trabalho e o aprovaram, autorizando sua publicação na Clínica e Pesquisa em Odontologia-UNITAU.

b) Nem este trabalho, nem outro substancialmente semelhante em conteúdo, já foi publicado ou está sendo considerado para publicação em outro periódico, no formato impresso ou eletrônico, sob sua autoria e conhecimento.

c) O referido trabalho está sendo submetido à aprovação do Conselho Editorial da Revista Clínica e Pesquisa em Odontologia-UNITAU com o conhecimento e a aprovação da Instituição e/ou organização de filiação do(s) autor(es).

d) O(s) autor(es) ainda concorda(m) que os direitos autorais referentes ao trabalho se tornem propriedade exclusiva da Clínica e Pesquisa em Odontologia-UNITAU desde a data de sua submissão. No caso da publicação não ser aceita, a transferência de direitos autorais será automaticamente revogada.

e) Todas as afiliações corporativas ou institucionais e todas as fontes de apoio financeiro ao trabalho estão devidamente reconhecidas.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.