ESTUDO DAS TECNOLOGIAS EM PROTOTIPAGEM RÁPIDA: PASSADO, PRESENTE E FUTURO

Eduard Alcaide, Filipe Wiltgen

Resumo


Resumo.Atualmente parece trivial falar de um protótipo e sua confecção, quer seja, pelos métodos tradicionais (subtrativos) de fabricação, ou pelos métodos modernos (aditivos) de fabricação em impressão em 3D. Nem sempre foi assim, houve um tempo que até mesmo fabricar um protótipo era impeditivo, pelo custo, ou pelo tempo. Os processos de desenvolvimento de produtos, quase sempre requerem testes de um modelo. Um modelo físico tridimensional permite a análise completa do produto, verificação de aperfeiçoamentos e interferências funcionais, que permitem chegar de forma efetiva ao produto final. Dentre as tecnologias do passado, todas estavam limitadas a construção de um produto a ser testado, e não um modelo ou protótipo. Na atualidade as diversas tecnologias existentes nos permitem fabricar e testar facilmente um novo produto utilizando as tecnologias que chamamos de prototipagem rápida. Em vista das tendências atuais é possível extrapolar nossas perspectivas tecnológicas disponíveis no futuro próximo, assim como, no futuro longínquo.

Texto completo:

PDF